TOPOGRAFIA

A topografia corneana é um exame indolor (não existe dor) com um tempo de execução de aproximadamente 5 minutos, não necessitando de qualquer preparação prévia. O paciente deve estar sem lentes de contacto, cujo uso deve ser suspenso nos cinco dias imediatamente anteriores à execução do exame, devendo apresentar-se com óculos.

O doente deve fixar o olhar no ponto determinado pelo médico ou técnico de oftalmologia. De seguida, a sonda efetua as medidas que são processadas pelo computador. Para a execução da topografia corneana não é necessário dilatar a pupila.

O resultado do exame da topografia corneana é conhecido de imediato através das imagens construídas pelos meios computacionais associados ao exame. A interpretação do exame deve ser efetuada pelo médico oftalmologista, levando em consideração a história clínica do doente, outros exames auxiliares de diagnóstico, etc.

Habitualmente, a topografia da córnea é realizada aos dois olhos (bilateral), sendo por isso designada de topografia corneana binocular. Se a topografia for apenas realizada num dos olhos (unilateral) designamo-la de topografia corneana monocular.

Topografia corneana – indicações

A topografia corneana é um exame essencial nos doentes propostos para realizar cirurgia refrativa (antes e após a operação). A cirurgia refrativa LASIK, PRK ou outras, permitem corrigir os erros refrativos (miopia, hipermetropia ou astigmatismo), “modelando” a córnea, tendo, para tal de perder algum tecido corneano. Assim, é muito importante conhecer a topografia da córnea antes da cirurgia. No pós-operatório, a topografia pode ajudar a avaliar a alteração criada na córnea.

Não há comentários ainda.

Seja o primeiro a avaliar “TOPOGRAFIA”