CROSSLINKING DO COLÁGENO CORNEANO

Na  cirurgia de Crosslinking de Córnea, a primeira etapa é a retirada (“raspagem”) da camada mais superficial da córnea (epitélio). Essa etapa é importante para permitir a melhor penetração da riboflavina (vitamina B12) dentro da córnea.

Já na segunda etapa, é pingado durante 30 minutos o colírio de riboflavina, até deixar a córnea impregnada com esta substância.

Feito isso, realizamos a exposição da córnea durante um período variável à radiação ultravioleta. Em geral, deixamos por cerca de 5, 10 ou 30 minutos, dependendo do tipo de intensidade da luz ultravioleta utilizada.

A riboflavina ou vitamina B12 possui afinidade pela luz ultravioleta, fazendo com que haja uma maior absorção no estroma da córnea da luz. Com isso, permite um efeito final desejado que é o fortalecimento das fibras de colágeno da córnea (tornando a córnea mais rígida e “congelada”) com o intuito de evitar a progressão do ceratocone.

Não há comentários ainda.

Seja o primeiro a avaliar “CROSSLINKING DO COLÁGENO CORNEANO”